Sala de aula invertida

Como recebi algumas mensagens no whatsapp, sobre o ultimo post ” Veja as 10 competências gerais da BNCC“, resolvi escrever uma série de posts sobre metodologias ativas, começando com a “sala de aula invertida”.

Atualmente o professor José Moran (Pesquisador USP), é uma das maiores autoridades sobre mudanças da educação, para ele, uma educação transformadora, precisa de participação do aluno, como responsável pelo seu próprio processo de aprendizagem e construção de conhecimento em um mundo físico e digital.

Sala de aula invertida

Neste processo o modelo de aula expositiva é substituído por maior participação do aluno. O modelo disponibiliza o material de estudo antecipado, que pode ser de forma digital em resumos ou micro vídeos.

Mas nem tudo é fácil, o professor e o aluno precisam mudar seus conceitos, pois paradigmas antigos devem ser quebrados. O aluno que está acostumado a receber apenas conteúdo na escola, precisará estudar previamente, nem que no início seja dedicado tempo para estudo na própria aula. O professor precisará desenvolver práticas e problemas para que os alunos possam em grupos ou individualmente resolverem.

A BNCC (base nacional comum curricular) foi concebida utilizando metodologias ativas… Que tal aumentarmos nossas práticas nessa área?

Segue abaixo três dos links da pesquisa prévia deste texto, com exemplos e vídeos explicativos… Bons estudos!

Vídeo Professor Wagner Cassimiro

Texto O que é e como aplicar Sala de Aula Invertida

E-book Sala de aula invertida

Espero ter ajudado! Caso gostou, compartilhe este conteúdo…

Professor Anderson Borges

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *